Trem Fantasma

Passio

Quem imagina que o Marques de Sade ou o cineasta espanhol Buñuel já fizeram de tudo sobre heresias, não pode deixar de assistir à produção cinematográfica da Dark Alley, Passio. Os católicos, evangélicos e afins ficariam de cabelos em pé com o que é mostrado nesse filme. Como já disseram numa resenha sobre o filme, a Paixão de Cristo nada mais é do que o extremo do sado-masoquismo. Confiram.





Escrito por carloshee às 13h25
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Reação preconceituosa

Escrevi essa matéria abaixo a partir de uma pesquisa realizada pelo Senado Federal. Portanto absolutamente confiável. Ao seu publicada no site Cesar Giobbi, com chamada de capa no site do MSN, recebi cerca de 300 comentários. A grande maioria deles com alto teor preconceituoso e de pessoas que não sabem do que se trata o PLC 122. Citando trechos da Bíblia e, com certeza, de sermões de pastores evangélicos obtusos, confundem tudo e associam a aprovação da lei contra a homofobia com a legalização da pedofilia, incesto e até necrofilia.

A princípio, não entendi direito a razão pela qual a grande maioria de pessoas que fez comentários era de evangélicos - poucos foram os que defenderam a aprovação da lei. Mas, agora, no começo da noite, entendi o porquê da mobilização no site.  

Hoje, um grupo de cerca de mil evangélicos tentou invadir o Congresso para protestar contra a PL 122. Marcharam liderados por pastores e políticos que gritam asneiras contra a homossexualidade. São pessoas fanáticas, sem dúvida alguma, pois se guiam por preceitos religiosos que só aumentam o preconceito.

Infelizmente, eles - os evangélicos - têm mais mobilidade para sair gritando contra o que pode ser um avanço social no Brasil.

Está na hora de os agressores serem punidos por crimes homofóbicos. Só para constar, no Brasil, pelo menos um homossexual é agredido ou morto por dia no País. Pelo simples fato de ser homossexual.

Pensem nisso, senhores evangélicos.



Escrito por carloshee às 19h41
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Preconceito e religião

 

O DataSenado fez uma pesquisa nas capitais brasileiras para ouvir a população sobre o PLC 122/2006, que ficou conhecida como a Lei da Homofobia. O resultado da pesquisa telefônica feita com uma amostragem de 1120 pessoas, maiores de 16 anos, no período de 6 a 16 de junho de 2008, revelou que 70% dos entrevistados querem que a lei puna os atos de discriminação ou preconceito contra homossexuais. A elevada aprovação se repete em quase todos os segmentos da população, com pouca variação de acordo com região, sexo e idade, e em todos eles a maioria é favorável ao PLC 122/2006.
Os menores índices de concordância estão entre os moradores da Região Centro-Oeste (55%), pessoas que cursaram até a 4ª. série do ensino fundamental (55%)  e pessoas com mais de 30 anos (67%). Quanto à religião, para 54% dos evangélicos a discriminação dos homossexuais deve virar crime, enquanto 39% desse segmento defendem a rejeição do projeto. No universo de entrevistados católicos e de outras religiões, mais de 70% defendem a aprovação do projeto. 79% dos entrevistados que se declaram ateus querem a criminalização da homofobia.
O PLC 122/2006  altera a Lei 7.716/99  que trata de crimes resultantes de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional. O projeto estende a punição à discriminação ou preconceito de gênero, sexo, orientação sexual e identidade de gênero.
Também estão previstas alterações no Código Penal e na CLT. Se for aprovado, passa a ser crime, entre outras atitudes, impedir, recusar ou dificultar o acesso de pessoas a ambientes públicos ou privados por conta de sua opção sexual, assim como usar o mesmo argumento para impedir a contratação de pessoas ou sua promoção na carreira profissional.



Escrito por carloshee às 19h29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Todo mundo conhece o artista Tom of Finland e seus desenhos de homens bombados, que estão até no MoMA, em Nova York. Agora, ele virou perfume. A Etat Libre d'Orange acabou de lançar o perfume Tom of Finland, com toques cítricos. E a campanha publicitária feita pela Ogilvy foi espalhada de forma criativa no bairro do Marais, em Paris. Aqui, o perfume e um dos cartazes, que aproveita um hidrante para dar o tom certo ao trabalho do artista.

 



Escrito por carloshee às 22h24
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


O Aldo acabou de fazer meu site agora. Quem quiser conhecer, o site já está no ar. Espero que gostem. Para acessar, basta clicar aqui. Ai está a foto da home.

 

 

 



Escrito por carloshee às 18h45
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Tom Ford

 

Escrito por carloshee às 12h35
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Estas são algumas fotos da campanha Verão 2008 da coleção masculina do Tom Ford. A primeira que o modelo brasileiro Alex Schultz faz. Totalmente nu. O fotógrafo da campanha é o americano Terry Richardson.



Escrito por carloshee às 12h29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Os truques da profissão

Eu sou jornalista faz um tempão, mais de 20 anos nesta profissão que atrai a atenção e fascina quem está prestes a escolher uma carreira. O que eu tenho para falar sobre isso? Realmente é uma função fascinante, às vezes. Outras nem tanto. Aquela idéia de repórter de cinema e televisão é coisa de ficção. Hoje em dia, quase tudo se resolve na frente de um computador e com uma linha telefônica que funcione de verdade.
Mas o que se encontra muito nessa profissão são os chamados truqueiros. Eles estão em todos os lugares, claro. Mas o jornalismo é um campo em que eles conseguem viver e chegar a postos inimagináveis para os simples jornalistas. Nesses anos todos trabalhando em redações, encontrei uma penca deles. Crescem como bananas amarelinhas e apetitosas, que se revelam sem sabor e de massa indigesta. Mas ganham lugar de destaque nas vitrines de quitandas de luxo.
Não é muito fácil detectar um truqueiro dentro de uma redação. Contudo, eles deixam transparecer um perfil quase único. Primeiro, são imponentes. Nunca têm uma postura tímida. Chegam fazendo barulho e adoram dar ordens - mesmo porque não saberiam cumprí-las - e inevitavelmente aparentam saber quais são as últimas tendências no mundo e, quem sabe, até no universo. Mas raramente saber como começar a escrever um texto. Preferem criticar o que os outros escrevem. E têm idéias "geniais" que na maioria das vezes se revelam propostas toscas sem nenhum cuidado editorial.
E são mestres em puxar o tapete de quem consegue ter uma projeção que eles gostariam de ter para si. Ou seja, são insaciáveis. Sem nenhum pudor de dar o truque, seja em quem for e onde for. E suportam quem os bajula. Não admitem críticas nem confronto.
E muitos chegam a dirigir algumas redações. Conheço vários.
Qualquer dia desses volto a esse assunto.

Escrito por carloshee às 18h53
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Este vídeo eu achei no You Tube. Tenho que dizer que foi feito por Bruno Eduardo para um trabalho na universidade. Gostei muito e coloquei aqui para iniciar meu blog.

Escrito por carloshee às 18h34
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Escrito por carloshee às 18h26
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
Meu perfil





BRASIL, Sudeste, SAO PAULO, HIGIENOPOLIS, Homem, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Informática e Internet, Livros



Histórico


Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 Cesar Giobbi
 Terceiro Sinal
 Blob do Alberto Guzik
 Blog da Karla Sarquis
 Artesanarte-se
 Analog Flame